Venéreo

Me vem ao reLEVO

Apara e guarda no descomPASSO

Surge ao revés do reNOVO

Tão ímpeto na imensiDÂO

 

Uni, voga o DesaPEGO

Reina, Desatina por enSEJO

Beija tão clara, líVIDA

Evoca consumada, conSIGNA

 

(…)Reverbera, perdura, refluxa

Sejo teu suntoso peadouro urdido

E morro no emposto murmurado

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: